Uma outra história do libertarianismo

O bem-estar dos mais pobres pode justificar argumentos em favor do capitalismo ou a melhora nas condições de vida dos mais pobres seria apenas o feliz resultado de um sistema cuja justificativa moral é mais profunda que a discussão sobre seus possíveis beneficiários? Qual deve ser a relação dos liberais com o conceito de “justiça social”? E o direito de propriedade?

Esses são alguns dos pontos discutidos por Matt Zwolinski e John Tomasi em “A bleeding heart history of Libertarianism”, o ensaio principal do debate desse mês no Cato Unbound.

O ensaio dá continuidade aos debates e artigos publicados por Zwolinski e outros colaboradores no blog Bleeding Heart Libertarians – onde Tomasi chegou a escrever como convidado.

Vale a pena ler também os ensaios que fazem parte da resposta ao ensaio principal de Zwolinski e Tomasi. “In Praise of Bleeding Heart Absolutism”, de Roderick Long, e “Natural Rights +?”, de David D. Friedman.